Exposição reúne imagens do Rio em técnica similar aos mosaicos

Disposiçao na parede   A cidade é dividida em pedacinhos pelo artista parisiense Jean-François Rauzier, em mostra no Museu Histórico Nacional ate Domingo! Não Perca! O Rio nunca se viu desse jeito. Com trabalhos que lembram mosaicos, com grande carga autoral e todos eles inéditos, Jean-François Rauzier propõe uma nova forma de olhar a cidade em Hiperfoto, exposição aberta desde Julho no Museu Histórico Nacional (MHN), no Centro. São 31 imagens da arquitetura carioca e de nossa paisagem urbana. O processo de produção de cada uma, que resulta em retratos incomuns como o Cristo Redentor saindo de uma favela, é complicado e envolve minúcias. Manipuladas no computador, algumas fotos chegam a alcançar um sugerido volume e podem até ser enxergadas como uma escultura bidimensional. É um tipo de arte que dialoga com o cubismo e o surrealismo. Leia mais: http://vejario.abril.com.br/materia/exposicoes/exposicao-reune-imagens-do-rio-em-tecnica-similar-aos-mosaicos

Bertrand DUSSAUGE

bdussauge@kdbpartners.com